A Associação das Pequenas e Médias Indústrias de Laticínios do Rio Grande do Sul – APIL/RS celebrou o desempenho de nove laticínios associados, que juntos conquistaram 21 medalhas.
Mundial do Queijo do Brasil
"Para a APIL, é motivo de orgulho contar com laticínios que se destacam tanto no Brasil quanto no cenário internacional"
O Rio Grande do Sul destacou-se no 3º Mundial do Queijo do Brasil, realizado de 11 a 14 de abril de 2024 no Teatro B32, em São Paulo. O evento contou com uma programação voltada para profissionais e consumidores finais.

O Concurso de Queijos e Produtos Lácteos atraiu cerca de 1.900 inscrições, tanto do Brasil quanto de 14 países. As avaliações foram feitas por um júri composto por 300 especialistas do setor, resultando na distribuição de 598 medalhas, incluindo 99 Super Ouro, 149 Ouro, 150 Prata e 200 Bronze.

A Associação das Pequenas e Médias Indústrias de Laticínios do Rio Grande do Sul – APIL/RS celebrou o desempenho de nove laticínios associados, que juntos conquistaram 21 medalhas. Destaque ainda para Sandra Mara Piovesan, do Sítio Esperança, que ficou em 2º lugar no Concurso de Melhor Queijeiro.

O Mundial do Queijo do Brasil é um marco importante no calendário nacional e internacional para produtores, profissionais e entusiastas da indústria láctea. O concurso visa promover e valorizar a produção de queijos e produtos lácteos de alta qualidade, incentivando a inovação e a excelência no setor queijeiro.

Para os produtores, ser premiado neste evento representa uma oportunidade única de destacar seus produtos, ampliar sua visibilidade e consolidar sua reputação no mercado. Além disso, o concurso proporciona uma plataforma para troca de conhecimento, experiência e melhores práticas entre participantes nacionais e internacionais.

Para os consumidores, o Mundial do Queijo do Brasil oferece a oportunidade de conhecer e apreciar uma vasta gama de queijos e produtos lácteos de diferentes regiões e países, valorizando a cultura queijeira e incentivando o consumo de produtos de qualidade.

Para a APIL, é motivo de orgulho contar com laticínios que se destacam tanto no Brasil quanto no cenário internacional.

Confira as premiações dos associados APIL no 3º Mundial do Queijo do Brasil:

Granja Cichelero

Prata: Queijo de Coalho

Bronze: Queijo Colonial

Bronze: Doce de Leite

Kiformaggio

Super Ouro: Queijo Parmesão

Super Ouro: Queijo Colonial

Ouro: Queijo Montanhês

Prata: Queijo Minas Meia Cura

Laticínios Do Sul

Ouro: Queijo Provolone Fresco Defumado

Laticínios Kronhardt

Ouro: Queijo Provolone Fresco Defumado

Ouro: Queijo Caccio Cavalo Trança Defumado

Bronze: Doce de Leite de Búfala

Nova Alemanha

Super Ouro: Queijo Gouda

Prata: Queijo Parmesão

Queijaria Schneider

Super Ouro: Queijo Parmesão

Ouro: Queijo Provolone Fresco Defumado

Bronze: Queijo Tipo Samsoe

Queijaria Valbrenta

Ouro: Queijo Tilsit

Prata: Queijo Reggiano

Sítio Esperança

Ouro: Queijo Bendito (Autoral)

Bronze: Queijo Colonial

2º lugar Concurso de Melhor Queijeiro: Sandra Mara Piovesan

Tchê Milk

Super Ouro: Requeijão Cremoso

Veja também

Conforme Petry, a fábrica de produtos lácteos será ampliada em mil metros quadrados. Além disso, receberá significativa inovação tecnológica na automatização da produção. Estão sendo adquiradas novos equipamentos com alta tecnologia que, entre outras coisas, farão o carregamento automatizado dos lácteos.

Você pode estar interessado em

Notas
Relacionadas

Mais Lidos

1.

2.

3.

4.

5.

Destaques

Súmate a

Siga-nos

ASSINE NOSSO NEWSLETTER