Na próxima quarta-feira, 10 de abril a Cotrisal distribuirá R$ 2.113.729,86 como Prêmio Fidelidade para os produtores que entregaram initerruptamente a produção de 77 milhões de litros de leite à Cotrisal/CCGL durante o ano de 2023.
COTRISAL
“Serão mais de 500 produtores beneficiados com este retorno proporcionado pela CCGL & COTRISAL. É o resultado de um trabalho em conjunto do produtor e cooperativa, um adicional de renda fundamental que é realizado anualmente”.
Conforme Frederico Trindade, gerente de Pecuária da Cotrisal, será pago o valor de R$ 0,03 por litro de leite entregue ao longo do ano que passou. “Serão mais de 500 produtores beneficiados com este retorno proporcionado pela CCGL & COTRISAL.

É o resultado de um trabalho em conjunto do produtor e cooperativa, um adicional de renda fundamental que é realizado anualmente”. Frederico destaca também que o retorno é sobre o total de produto entregue durante o ano, e é muito significativo, pois representa uma renda extra ao preço pago pela CCGL durante o ano de 2023.

Para receber este valor o produtor tem que ter entregado a sua produção durante os 12 meses do ano anterior e ainda estar entregando na atualidade.

CCGL/COTRISAL: Municípios recebem R$ 8,7 milhões em valor adicionado ao ICMS

A Cotrisal, através da CCGL, redistribuiu mais de R$ 8.793.782,84 em rateio de valor adicionado ao Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) para os municípios conveniados de sua área de atuação que forneceram leite para a cooperativa em 2023.

Esta iniciativa demonstra que o produtor fornecedor da Cotrisal pode ter certeza que está contribuindo com o desenvolvimento de seu município. “Esses impostos gerados pela sua produção de leite, permitem às prefeituras receitas importantes que irão retornar em benefícios para sua família e toda a comunidade, como transporte escolar, escolas, saneamento básico, creches, estradas, postos de saúde e tantos outros benefícios gerados pelos impostos”, explica Walter Vontobel, presidente da Cotrisal.

“Em nossa propriedade trabalhamos com a sucessão familiar, onde meu pai e minha mãe iniciaram a produção há muitos anos. Hoje quem está trabalhando no tambo sou eu, meu irmão e meu marido. Entregamos leite para a CCGL via Cotrisal. Trabalhamos com a Cotrisal desde que ela iniciou as atividades na região Noroeste. Já se passaram quatro anos. E desde então estamos muito satisfeitos com a cooperativa.

Recebemos no mês de abril o retorno, que é valor significativo, e a gente fica bem feliz porque é dinheiro que nos ajuda tanto financeiramente quanto que a gente pode investir, tanto na parte de infraestrutura ou algum equipamento novo para o tambo leiteiro. E a gente fica muito contente em trabalhar com uma cooperativa que enxerga o produtor rural, não só como uma lucratividade, mas como parceiro de trabalho.

E a gente fica muito contente com isso. Então, o retorno é resultado de todo o nosso trabalho, e é muito bom isso.”

Camila Meneghetti e família, produtores de leite do município de Independência.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Cotrisal

Veja também

“Diga-me o que você come e eu lhe direi quem você é”, do gastrônomo e jurista francês Brillat-Savarin, e “Nós somos o que comemos”, do

Você pode estar interessado em

Notas
Relacionadas

Mais Lidos

1.

2.

3.

4.

5.

Destaques

Australia

Don’t cry for me Australia: como os laticínios da Austrália estão seguindo os passos da Argentina

O Brasil, em 2022, atingiu 885.000 toneladas métricas entre vários tipos de queijos tropicais e europeus.

Dados saborosos sobre o consumo e a produção de queijo em todo o mundo, que vão dar água na boca

Publicidade

Publicidade em tempos de crise: a estratégia que pode fazer a diferença entre o sucesso e a sobrevivência do seu negócio de laticínios

Súmate a

Siga-nos

ASSINE NOSSO NEWSLETTER