Executivo destaca a importância de manter as características do produto e especialista ressalta conexão com consumidor.
collabs
As collabs trazem vantagem não só para a marca, mas também para as vendas.

O mercado competitivo do varejo estimula as empresas a buscarem parcerias com outras marcas em busca de maior engajamento e conexão com o consumidor.

As collabs, termo que representa parcerias entre empresas, são cada vez mais comuns e uma delas inclui a marca de sorvetes Los Los e a rede de franquias Nanica, especializada em tortas banoffee. A parceria entre as marcas para o verão traz uma reinvenção das fatias da torta, disponível na linha Virou Sorvete.

De acordo com Robson Moraes, gerente de marketing da Los Los, as collabs trazem vantagem não só para a marca, mas também para as vendas.

“Associar-se a grandes marcas que têm relevância com o público e produtos incríveis e diferenciados tem sido uma ótima ferramenta e alavanca de crescimento para nós. Nossa estratégia é adotar sabores incríveis e trazer marcas para trabalhar em collab conosco”, afirma.

O executivo da Los Los ressalta que a empresa é bastante seletiva em relação às marcas escolhidas para compor o mix de produtos, a partir de análises sobre a sinergia com o público da empresa, assim como sabor, qualidade e reputação.

“Manter as características originais da marca parceira são questões mais do que importantes para o sucesso de uma collab. Assim, o consumidor reconhece essa união de sabores”, diz Moraes.

Postura e vulnerabilidade

Para o gerente de marketing da Los Los, o retorno dessas parcerias é imensurável e cada collab tem sua importância para a empresa. “Na prática, temos um grande aumento no volume de vendas, oportunidades de mídia, interesse de influencers e imprensa.

Existem inúmeras questões que alavancam nossa marca como um todo, e com certeza as collabs nos ajudam como um dos principais ativos do nosso negócio para a atração do nosso público final”, garante Robson Moraes.

Para Roberto Gondo Macedo, professor de inteligência competitiva e de mercado da Universidade Presbiteriana Mackenzie, as vantagens das collabs para a indústria varejista começam pela potencialização dos canais de comunicação. “A collab personifica o processo de agregar valor ao produto.

Mas, dependendo do segmento, da área de atuação da empresa parceira, pode haver o receio sobre a marca ter algum problema, ou uma postura inadequada. Assim como agrega valor, a collab também expõe a marca e, hoje, as coisas são muito rápidas, inclusive a desinformação e as fake news”, avalia.

Veja também

Espera-se que a indústria de laticínios adote continuamente o desenvolvimento de novas forças produtivas de qualidade, como uma tentativa de alcançar uma transformação positiva sob circunstâncias no novo estágio de desenvolvimento, disse Li Pengcheng, presidente executivo da gigante chinesa de laticínios Mengniu Group.

Você pode estar interessado em

Notas
Relacionadas

Mais Lidos

1.

2.

3.

4.

5.

Destaques

Súmate a

Siga-nos

ASSINE NOSSO NEWSLETTER