Grupo discute assuntos relacionados aos produtores de leite do Brasil. Deputado é o único representante da região norte
"A produção leiteira está presente em quase todos os municípios de Rondônia, sendo a principal atividade econômica em mais de 25,9 mil propriedades rurais, gerando centenas de empregos nos demais segmentos da cadeia"
O deputado federal Thiago Flores (Republicanos-RO) assumiu na última quarta (17), a vice-presidência da Subcomissão do Leite da Câmara dos Deputados. O grupo faz parte da estrutura da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural e é composta por 18 parlamentares, sendo Thiago Flores o único representante da Região Norte. 

Para o deputado, a oportunidade é valiosa para avaliar, aprimorar e fortalecer o setor leiteiro brasileiro. “Enquanto representante do estado de Rondônia, precisamos estar atentos e atuantes nessa pauta. A produção leiteira está presente em quase todos os municípios de Rondônia, sendo a principal atividade econômica em mais de 25,9 mil propriedades rurais, gerando centenas de empregos nos demais segmentos da cadeia. Nosso estado registrou aumento na produção leiteira em 2023, liderando o ranking de maior produtor de leite na região Norte e se mantém como 10° maior produtor do Brasil, conforme apresentado no Anuário Leite 2023, da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa)”, reforçou.

O setor leiteiro desempenha um papel fundamental na economia do país, na segurança alimentar da população e na geração de empregos em áreas urbanas e rurais, desde a produção primária nas fazendas até o processamento industrial e a distribuição no mercado. É um dos principais pilares da agropecuária brasileira, contribuindo significativamente para o Produto Interno Bruto (PIB) do país. A cadeia produtiva do leite envolve milhões de produtores rurais, em sua maioria pequenos produtores, cooperativas e indústrias de processamento e distribuição, formando uma rede complexa e interconectada. 

Subcomissão

Criada em 2011, para acompanhar a produção de leite no Brasil, a Subcomissão permanente do leite (Subleite) foi proposta pela necessidade da defesa do setor leiteiro brasileiro, que, na época, já se via ameaçado pelo crescimento nas importações do produto, que afetam o preço do leite produzido no país.

O colegiado também visa a avaliação e proposição de medidas para pautas como a fixação de preço justo para os produtores, o combate aos cartéis da produção de insumos lácteos, o estabelecimento de mecanismos de proteção de mercado interno e a redefinição tributária sobre leite in natura.

Produção de leite

O Brasil é o terceiro maior produtor de leite do mundo, com mais de 34 bilhões de litros por ano, sendo produzido em 98% das cidades brasileiras, num total de 4 milhões de produtores. O país conta ainda com 1 milhão de propriedades que produzem leite.

Texto: Ascom deputado federal Thiago Flores
Fotos: cedidas

Veja também

Espera-se que a indústria de laticínios adote continuamente o desenvolvimento de novas forças produtivas de qualidade, como uma tentativa de alcançar uma transformação positiva sob circunstâncias no novo estágio de desenvolvimento, disse Li Pengcheng, presidente executivo da gigante chinesa de laticínios Mengniu Group.

Você pode estar interessado em

Notas
Relacionadas

Mais Lidos

1.

2.

3.

4.

5.

Destaques

Súmate a

Siga-nos

ASSINE NOSSO NEWSLETTER