As empresas ocidentais continuam a sair do setor de laticínios da Rússia, apesar dos obstáculos, de acordo com analistas locais.
danone
O complexo agrícola de Tkachev é o segundo maior produtor de leite cru da Rússia.
A saída da Danone do mercado russo é o maior e mais esperado negócio no setor de laticínios russo, disse Alexey Kurasov, chefe do departamento de finanças corporativas da consultoria russa Finam, durante a conferência Agricultural Holdings of Russia 2023, em Moscou.

A Danone ainda tem a oportunidade de vender seus negócios na Rússia, que foram transferidos para a administração temporária do Estado, dizem os analistas. Para concretizar o negócio, a empresa precisa concordar com um desconto.

Moscou exige um desconto de 50% em todos os negócios estrangeiros depois que os consultores selecionados pelo governo russo avaliarem o negócio. Os relatórios indicam que, nos últimos meses, as autoridades exigiram um desconto maior em alguns casos.

A Danone ainda está querendo concluir a venda formal de seus negócios na Rússia, informou recentemente o Financial Times. A empresa acredita que ainda pode ganhar dinheiro se for devidamente combinada com o comprador certo aprovado pelo governo.

Espera-se que a saída das empresas ocidentais continue até o primeiro trimestre de 2024, disse Kurasov. Além disso, os analistas veem “esforços cautelosos” de investidores do Oriente Médio e da China para entrar no mercado russo, disse Kurasov.

PepsiCo simplifica sua operação

A Danone não está sozinha em seus esforços para vender ativos russos. A PepsiCo está em negociações com o complexo agrícola de Tkachev para vender sua fábrica de laticínios em Krasnodar Krai, informou o jornal de negócios local Kommersant. No entanto, a empresa planeja simplificar sua operação no país, de acordo com a publicação.

Durante o verão de 2023, ela planejou suspender a operação antes de ser transferida para o novo proprietário.

A divisão de laticínios da PepsiCo atualmente administra 14 unidades de produção na Rússia. Em 2022, ela produziu 940.700 toneladas de produtos lácteos, 8,7% a menos em comparação com o ano anterior.

Alexey Gruzdev, diretor geral do think tank Streda Consulting, com sede em Moscou, afirmou que os volumes de produção na fábrica de Kradnodar foram considerados insuficientes e foram distribuídos entre outros locais de produção.

O complexo agrícola de Tkachev é o segundo maior produtor de leite cru da Rússia. Para a empresa, o acordo poderia ajudar a apoiar a marginalidade do negócio, já que os preços do leite cru no país caíram 20-25% no primeiro semestre de 2023, informou o Kommersant, citando os dados da União Russa de produtores de laticínios Soyuzmoloko.

 

 

 

ACEDA AOS NOSSOS MELHORES ARTIGOS 👉 DESTAQUES eDayryNews 🇧🇷🐮🥛✨

 

 

 

Veja também

Espera-se que a indústria de laticínios adote continuamente o desenvolvimento de novas forças produtivas de qualidade, como uma tentativa de alcançar uma transformação positiva sob circunstâncias no novo estágio de desenvolvimento, disse Li Pengcheng, presidente executivo da gigante chinesa de laticínios Mengniu Group.

Você pode estar interessado em

Notas
Relacionadas

Mais Lidos

1.

2.

3.

4.

5.

Destaques

Súmate a

Siga-nos

ASSINE NOSSO NEWSLETTER