Com um trabalho que faz parte de quatro gerações da família, Maria Tereza Lemos Costa Calil, popularmente conhecida como ‘Tóla’, terá legado reconhecido nesta quinta-feira, 16.
Gir Leiteiro. Além de criadora, Maria Tereza também é professora, psicóloga e empresária.
Além de criadora, Maria Tereza também é professora, psicóloga e empresária.

A 53ª edição da Expoagro, tradicional exposição agropecuária de Franca, terá diversos eventos e atrações para o setor. Dentro da programação, haverá uma homenagem especial da organização para a criadora de bovinos Maria Tereza Lemos Costa Calil, mais conhecida como ‘Tóla’.

O evento será nesta quinta-feira, 16, às 16h30, no auditório do Parque de Exposições “Fernando Costa”. O objetivo é reconhecer as contribuições feitas pela fazendeira à comunidade de criadores de gado da raça Gir Leiteiro, que faz parte de um legado de quatro gerações de sua família.

Além de criadora, Maria Tereza também é professora, psicóloga e empresária. É considerada referência no empreendedorismo feminino e no segmento pecuário de toda a região e do país. Sua versatilidade, dedicação e vocação são fonte de inspiração para quem está começando na área e para quem já tem anos de carreira. A cada nova ação da marca Tóla, o setor se fortalece nacionalmente e a raça Gir Leiteiro ganha mais espaço, negócios e investimento.

Trajetória e legado

A história do Gir Leiteiro Tóla (apelido e marca de Maria Tereza) começou na Fazenda Taquaral, em Patrocínio Paulista, com seu avô. A família cultivava café e a mãe da empresária, Honorina Lemos, ganhou de um tio uma bezerra da raça Gir Leiteiro. A paixão pelos animais aumentou após ela se casar com o advogado Júlio Baptista da Costa Filho, que adquiriu a Fazenda Santa Gemma e passou a se dedicar à atividade pecuária também.

O pai de Maria Tereza e de seus quatro irmãos faleceu em 1979, mas o legado do Gir Leiteiro da família seguiu. A mãe, Honorina, continuou criando seu rebanho até 2003, quando também partiu. Nessa época, a fazenda já havia sido dividida entre os filhos Maria Helena, Maria Júlia, Maria Ângela, Nilo e Maria Tereza, que, com sua parte, criou a Fazenda Paraíso, enquanto também trabalhava como professora e empresária no ramo imobiliário.

Através de um trabalho de mais de 30 anos, com 13 vacas herdadas da mãe e muito esforço, ‘Tóla’ trilhou um caminho histórico e de premiações de seus animais. Hoje, ela divide a atenção entre a fazenda, negócios e sua família. Tem quatro filhos (Matheus, Thiago, Thomas e Júlio) e seis netos (Maria, Matheus José, Théo, Catarina, Isabella e Antônio).

Serviço

Homenagem a Maria Tereza Lemos Costa Calil

  • Quinta-feira, 16 de maio, às 16h30
  • Auditório do Parque de Exposições “Fernando Costa”
  • Avenida Dr. Flávio Rocha, 500, Vila Exposição

Veja também

Conforme Petry, a fábrica de produtos lácteos será ampliada em mil metros quadrados. Além disso, receberá significativa inovação tecnológica na automatização da produção. Estão sendo adquiradas novos equipamentos com alta tecnologia que, entre outras coisas, farão o carregamento automatizado dos lácteos.

Você pode estar interessado em

Notas
Relacionadas

Mais Lidos

1.

2.

3.

4.

5.

Destaques

Súmate a

Siga-nos

ASSINE NOSSO NEWSLETTER