Renata Penna, gerente da Unidade de Laticínios de Carlos Barbosa da Cooperativa Santa Clara, esteve em São Paulo para o 3º Mundial do Queijo que aconteceu nos dias 11, 12, 13 e 14 de abril. Ela foi uma das avaliadoras e julgadoras que definiram o queijo ganhador do mundial 2024.
"Passou um ano no setor de queijaria, sete anos no P&D (pesquisa & desenvolvimento), e desde janeiro do ano passado, está como gerente da Unidade de Laticínios de Carlos Barbosa"

O concurso de queijos e produtos lácteos ocorreu na sexta, 12, com a avaliação de 1.900 queijos por aproximadamente 300 jurados, brasileiros e estrangeiros, experts e reconhecidos em atuações no mundo do queijo.

Renata trabalha na Cooperativa Santa Clara há 10 anos. É graduada em Ciência e Tecnologia de Laticínio pela Universidade Federal de Viçosa (UFV) em Minas Gerais, e pós-graduada MBA em Gestão de Projetos pela FGV.  Iniciou a trajetória na Santa Clara em 2014, como estagiária, e posteriormente foi contratada no laboratório de recepção do leite.

Passou um ano no setor de queijaria, sete anos no P&D (pesquisa & desenvolvimento), e desde janeiro do ano passado, está como gerente da Unidade de Laticínios de Carlos Barbosa.

“Participar como julgadora do concurso de melhor queijo foi uma experiência muito enriquecedora. Esse evento é de grande relevância para o setor lácteo, visto que, demonstra o avanço na produção de queijos no Brasil, e coloca o país no mapa mundial dos melhores queijos, além de produtos do Brasil estavam presentes queijos de outros 14 países.” relata, Renata Penna, gerente de laticínios na Cooperativa Santa Clara.

O 3º Mundial do Queijo do Brasil, promovido pela SerTãoBras, associação de produtos de queijos artesanais, e em parceria com Guilde Internationale des Fromagers que tem por missão reunir pessoas relacionadas às cadeias da produção leiteira, em todos os níveis e no mundo inteiro. Foram realizados durante o evento quatro concursos, um internacional e três nacionais.

O objetivo do mundial é fortalecer a cultura brasileira de queijos. O país é a quarta potência mundial do leite, entretanto está em ascensão no consumo e produção de queijos. Conforme a Cooperativa, a participação da Renata Penna como jurada, simboliza a excelência dos funcionários que trabalham para entregar um produto de qualidade aos consumidores.

Veja também

Nunca se deve deixar os queijos abertos dentro do refrigerador porque as propriedades frias, porém secantes, destes aparelhos não são boas para o produto.

Você pode estar interessado em

Notas
Relacionadas

Mais Lidos

1.

2.

3.

4.

5.

Destaques

Súmate a

Siga-nos

ASSINE NOSSO NEWSLETTER