Como viver bem e por mais tempo? Quem faz exercício físico chega melhor à terceira idade. Uma reserva muscular construída ao longo da vida torna o envelhecimento mais saudável, mais tranquilo e sem danos funcionais. Alguns suplementos, como o whey protein, podem ser importantes companheiros nesse processo.
"O alimento pode ser usado em diferentes ciclos da vida, desde o período de crescimento e desenvolvimento até o envelhecimento."
Os benefícios vão além da academia. O alimento favorece o ganho de força e a hipertrofia, auxilia na prevenção de doenças e garante mais qualidade de vida.

O que é o whey? 

Trata-se de um suplemento feito da proteína do soro do leite. Possui todos os aminoácidos essenciais para a formação de músculos e tecidos, auxilia em funções metabólicas e ajuda a complementar o aporte de proteínas na alimentação.

Existem três categorias de whey protein: concentrado, isolado e hidrolisado. O primeiro tem menos quantidade de proteína e mais de açúcar. O segundo conta com quantidade maior de proteína e menor de carboidratos. Já o hidrolisado é recomendado para pessoas com intolerância ou alergia à proteína do leite.

Benefícios

O alimento pode ser usado em diferentes ciclos da vida, desde o período de crescimento e desenvolvimento até o envelhecimento. Durante a infância e a adolescência, por exemplo, o corpo está em constante crescimento e o whey pode fornecer os aminoácidos necessários para a construção e reparação muscular, principalmente para jovens em crescimento acelerado.

Na vida adulta, o suplemento ajuda na prática de exercícios físicos, na manutenção da massa magra e promove saciedade se aplicado a uma rotina alimentar equilibrada.

Já a partir dos 60+, o whey protein pode ser uma ferramenta útil para combater os efeitos negativos do envelhecimento, entre eles o surgimento de doenças. A suplementação para esse público pode ajudar a preservar a massa muscular e melhorar a função física, além de contribuir para a saúde óssea, prevenindo a osteoporose.

Envelhecendo com qualidade 

A maior perda de massa muscular acontece após os 50 anos, o que pode comprometer a capacidade funcional. Sedentarismo e dietas muito calóricas estão entre as causas da redução, chamada de sarcopenia. Diante disso, o whey é a opção mais recomendada para a recuperação e o ganho de massa.

O suplemento ainda é um forte aliado para prevenção de doenças cardíacas e hipertensão. Além de reduzir o triglicerídeo, aumenta o colesterol bom e combate os radicais livres.

*Phillip Ji é co-CEO da Orient Mix, empresa pioneira em fitoterápicos no Brasil desde 1993

Veja também

“Diga-me o que você come e eu lhe direi quem você é”, do gastrônomo e jurista francês Brillat-Savarin, e “Nós somos o que comemos”, do

Você pode estar interessado em

Notas
Relacionadas

Mais Lidos

1.

2.

3.

4.

5.

Destaques

Australia

Don’t cry for me Australia: como os laticínios da Austrália estão seguindo os passos da Argentina

O Brasil, em 2022, atingiu 885.000 toneladas métricas entre vários tipos de queijos tropicais e europeus.

Dados saborosos sobre o consumo e a produção de queijo em todo o mundo, que vão dar água na boca

Publicidade

Publicidade em tempos de crise: a estratégia que pode fazer a diferença entre o sucesso e a sobrevivência do seu negócio de laticínios

Súmate a

Siga-nos

ASSINE NOSSO NEWSLETTER