Cada tipo de leite requer um método específico de conservação, mas todos compartilham uma vulnerabilidade comum uma vez abertos.
O armazenamento correto do leite é crucial para maximizar seu valor nutricional e biológico.
O armazenamento correto do leite é crucial para maximizar seu valor nutricional e biológico.

Laticínios como queijos, iogurtes e leites saborizados são não apenas deliciosos, mas também importantes fontes de nutrientes como vitaminas, minerais, proteínas e, crucialmente, cálcio.

Essencial para a saúde óssea e o sistema imunológico, o cálcio é abundante nestes alimentos. Entretanto, o armazenamento inadequado pode transformar estes benéficos laticínios em riscos para a saúde.

Variedade de Leites e Métodos de Conservação

Nos supermercados, encontramos uma vasta seleção de leites: fresco, integral, desnatado, sem lactose e enriquecido, entre outros. Cada tipo requer um método específico de conservação, mas todos compartilham uma vulnerabilidade comum uma vez abertos: a embalagem não pode mais garantir a proteção total dos seus valores nutricionais.

Dicas Práticas para Armazenar Leite na Geladeira

O armazenamento correto do leite é crucial para maximizar seu valor nutricional e biológico. Sempre verifique o prazo de validade e as instruções de armazenamento na embalagem. Mantenha o leite fresco e protegido da luz solar direta.

Prazos de Validade e Temperaturas Ideais para o Leite

O leite cru, quando armazenado entre 8 a 10°C, pode durar até 12 horas. À medida que a temperatura diminui, o leite pode ser conservado por períodos mais longos – até 48 horas a 1-2°C. O leite comercial selado pode durar até duas semanas na geladeira, enquanto a manteiga e o cream cheese têm um prazo de validade mais longo.

Cuidados Especiais: O Leite e o Congelamento

É importante ressaltar que congelar o leite não é recomendado. As baixas temperaturas podem alterar o sabor e a textura do leite, tornando-o granulado e menos agradável, apesar de ainda seguro para consumo.

Sinais de que o Leite Deve ser Descartado

Especialistas aconselham descartar o leite se apresentar sabor anormal, textura sólida, cor amarelada ou odor desagradável. Esses são sinais claros de que o leite não está mais apto para consumo, independente do seu tipo.

Mantenha-se informado e seguro ao manusear e armazenar laticínios, seguindo estas dicas e cuidados essenciais.

Veja também

Embora o vírus até agora não tenha mostrado nenhuma evidência genética de adquirir a capacidade de se espalhar de pessoa para pessoa, as autoridades de saúde pública estão monitorando de perto a situação da vaca leiteira como parte dos esforços gerais de preparação para a pandemia.

Você pode estar interessado em

Notas
Relacionadas

Mais Lidos

1.

2.

3.

4.

5.

Destaques

Súmate a

Siga-nos

ASSINE NOSSO NEWSLETTER