Suplemento está cada vez mais inserido no dia a dia de quem busca um estilo de vida mais saudável
WHEY
"Whey protein é uma proteína de alta qualidade extraída do soro de leite"
Muito conhecido pelos praticantes de atividade física e atletas há algum tempo, o whey protein está cada vez mais inserido no dia a dia de quem busca um estilo de vida mais saudável. Embora seja muito utilizado, ainda há muitas dúvidas e mitos a respeito deste suplemento.

Ao contrário do que se acredita, não é nenhum alimento milagroso e nem se trata de um suplemento exclusivo de quem faz exercícios. A seguir, vamos esclarecer essa e outras questões abaixo. Confira:

O que é o whey protein?

Parece muito complexo mas na verdade é bem simples: o whey nada mais é do que a proteína de alta qualidade, extraída do soro de leite da vaca durante o processo de produção do queijo. O leite de vaca é composto por carboidrato, gordura e proteína. Através de um processamento industrial, é retirada apenas a proteína do leite, transformada em pó, saborizada e comercializada. Ou seja, ele literalmente é apenas proteína em pó.

Existe mais de um tipo  de whey protein?

O whey protein derivado do leite é dividido em três tipos principais: concentrado, isolado e hidrolisado. Existem também proteínas em pó extraídas da ervilha, arroz e soja, que podem ser uma boa opção para os veganos.

Whey Protein Concentrado

Contém uma quantidade moderada de proteínas e também pode conter quantidades variáveis de carboidratos e gorduras — tudo que contém naturalmente no leite. Sua absorção é mais lenta que os demais.

Whey Protein Isolado

Passa por um processo adicional para remover a maioria das gorduras e carboidratos, resultado em um produto com teor de proteínas mais elevado.

Whey Protein Hidrolisado

É pré-digerido, o que significa que as moléculas de proteína foram quebradas em partes menores, facilitando a digestão e a absorção.

Whey protein engorda? Emagrece?

Essa se tornou uma pergunta recorrente, mas vale lembrar que ele é um suplemento alimentar de fonte proteica e, ao consumi-lo, consequentemente você estará ingerindo mais proteínas. O suplemento equivale a carne, frango ou ovos, por exemplo. É importante se questionar: se você comer carne vai engordar ou emagrecer? O que engorda é comer mais calorias do que o corpo gasta, independente se for com excesso de proteínas da carne ou soro de leite — como o caso do whey protein. O mesmo vale para a perda de gordura.

Só é indicado para quem faz atividade física?

Ao praticar atividade física, seja aeróbico, ou exercícios de força, de resistência, de baixa ou alta intensidade, ocorrem micro lesões no tecido muscular. É assim que ele cresce e se mantém saudável. A ingestão correta de proteínas é responsável por realizar a manutenção desse tecido, por isso que o whey protein é associado com a realização de exercícios. Mas todo o indivíduo saudável precisa ingerir proteínas diariamente e pode ser interessante incluir o suplemento na rotina, independente da rotina. Consulte sempre um nutricionista.

Deve ser tomado apenas – e imediatamente – após o treino?

Há algum tempo, acreditava-se que a suplementação de proteínas após o exercício era determinante na recuperação muscular. Atualmente, sabemos que a ingestão de proteínas total diária é o que realmente importa. Embora a suplementação se mostre eficaz em aumentar a síntese proteica após o treino, não é mais necessário que o consumo seja imediato.

É necessário? Como posso substituir?

O whey protein é um suplemento alimentar que pode ser benéfico para indivíduos que buscam aumentar a ingestão de proteínas, recuperar os músculos e apoiar seus objetivos de condicionamento físico. Mas também é possível atingir as necessidades diárias de proteínas consumindo outros alimentos. Uma dose de whey protein possui entre 18g a 25g de proteína, o que, em média, equivale a:

  • 4 ovos de galinha;
  • 120g de peito de frango grelhado;
  • 110g de contrafilé;
  • 120g de carne de patinho moída;
  • 120g de atum;
  • 2 potes (170g) de iogurte desnatado;
  • 150g de feijão;
  • 250g de tofu;

Além de proteína, alguns alimentos possuem outros macronutrientes, como carboidratos e gorduras.

É importante que o uso de qualquer suplementação seja moderado e incluído em uma dieta equilibrada e um estilo de vida saudável. Procure um nutricionista para identificar as suas necessidades nutricionais e a melhor maneira de inserir na sua rotina alimentar.

Veja também

Nunca se deve deixar os queijos abertos dentro do refrigerador porque as propriedades frias, porém secantes, destes aparelhos não são boas para o produto.

Você pode estar interessado em

Notas
Relacionadas

Mais Lidos

1.

2.

3.

4.

5.

Destaques

Súmate a

Siga-nos

ASSINE NOSSO NEWSLETTER